5 boas práticas de UX que sua empresa não pode ignorar

Agência Noise > blog noise  > 5 boas práticas de UX que sua empresa não pode ignorar

5 boas práticas de UX que sua empresa não pode ignorar

Oferecer uma experiência de acesso fácil, simplificado e intuitivo ao usuário é uma necessidade crescente para as empresas. A Experiência do Usuário, User Experience, ou apenas UX, ajuda a melhorar a forma como o cliente interage com o produto, site, aplicativo ou ainda com um software.

 

Afinal, o que é UX?

 

A Experiência do Usuário, remonta dos tempos do mundo analógico, pode parecer paradoxal, mas ao se deparar com um produto que fosse de difícil utilização, a tendência do indivíduo era abandoná-lo. No mundo digital a UX também acontece da mesmo forma, com a diferença que essa experiência está relacionada ao universo virtual.

 

A UX vai além de uma experiência de sucesso no site, plataforma, aplicativo ou qualquer outro modelo interativo. Ela tem o objetivo de alcançar a satisfação do usuário, de forma que ele possa ser mais que um consumidor, mas vivenciar uma experiência prazerosa e produtiva.

 

Listamos 5 práticas e os motivos pelos quais elas devem ser seguidas:

 

1. Fluxo intuitivo

 

Seguir os passos corretos sem que eles sejam indicados de forma direta é uma dos pilares para oferecer uma experiência satisfatória ao usuário. O fluxo deve ser transparente e intuitivo, desta forma o usuário será levado de uma seção para outra sem esforços. Por isso, páginas sem saída não são uma boa prática por não levar o usuário ao próximo passo.

 

2. Mobile

 

Oferecer uma experiência adequada ao ambiente mobile é imprescindível para uma UX de sucesso. Isso porque, seja em sites, plataformas ou aplicativos, é nos dispositivos móveis que se encontram o maior número de acessos. Além disso, é preciso levar em consideração a limitação desse tipo de acesso, como a forma como a pessoas irá clicar para selecionar um item, por exemplo. Adaptar a usabilidade para o formato mobile é uma premissa para promover o sucesso da interação.

 

3. Agilidade no carregamento

 

Tempo é dinheiro, pelo menos para as empresas essa máxima deve ser levada ao pé da letra. Isso porque, se um aplicativo ou site demora para carregar a UX é prejudicada imediatamente. A chance de o usuário abandonar o acesso caso isso ocorra é maior, logo, pode resultar no fracasso da ação. Para e-commerces, por exemplo, com o grande número de concorrentes é possível que o potencial cliente desista de acessar o site e recorra a outros resultados da busca.

 

4. Navegação fácil

 

Em um site, a menu de navegação é um dos elementos mais importante e precisa estar adequado para oferecer uma boa experiência ao usuários. Os menus flexíveis podem ser uma boa prática, além disso, vale optar pela rolagem vertical, uma vez que a horizontal é mais difícil de rolar.

 

5. Ferramentas de busca otimizados

 

As ferramentas de busca otimizadas ajudam a tornar a UX ainda melhor. Imagine buscar por algum específico e ter que passar por diversas páginas antes de encontrar o que deseja. Oferecer um caminho mais simples, no qual é possível filtrar e encontrar de forma mais rápido tudo que o cliente busca em um site ou aplicativo é imprescindível para uma boa experiência.

 

Oferecer uma experiência de qualidade para os clientes é o ponto de partida para o sucesso digital do seu negócio. Curta na página no Facebook e acompanhe tudo que você precisa saber para alcançar o sucesso da sua marca.

No Comments

Post a Comment

Comment
Name
Email
Website